Muitos acham bobagem investir tempo em pesquisa ou desenvolvimento do currículo, porém dedicar tempo em seu currículo é extremamente essencial para obter a tão sonhada vaga. Você deve está se perguntando “Mas a concorrência na área de TI não é baixa ?” Sim, de fato existem determinadas áreas que faltam profissionais capacitados para determinados tipos de tarefas, porém não é fator determinante para que você obtenha aquela vaga. Nesse artigo esclareceremos isso e mostraremos a melhor maneira de você preparar seu currículo para que possa se destacar e se tornar um grande profissional de TI.

 

Nesse artigo você verá:

  • Currículo adaptado a oportunidade
  • Dicas de como montar seu currículo
  • Pontos de destaque
  • Exemplos de portfólios

 

 

Currículo adaptado a seu objetivo

 

Primeiramente, você deve adaptar seu currículo ao que você almeja na empresa que pretende entrar, ou seja, sempre mantenha o foco na área de atuação. Tudo que você for descrever tem que ter como base o destaque de suas habilidades profissionais e seus objetivos pessoais voltados para aquela área de atuação, como área de segurança, rede de computadores, desenvolvimento Front-end, Back-End, designer gráfico… 

 

Tome sempre cuidado ao descrever suas habilidades. Manter o foco no que você realmente sabe ou tem mais experiência é muito importante, pois caso você alimente muito seu currículo, poderá dá a impressão de preenchimento demasiado, o famoso “encher a linguiça”. De certo, você pode ter várias habilidades que possam ser relevantes, mas sempre tenha cuidado para colocar somente aquilo que vai ser crucial na decisão da pessoa que está lhe analisando e para que seu currículo não fique muito longo.

 

 

Dicas para elaborar seu currículo

 

1 - Faça um breve resumo técnico:

            Com certeza a pessoa que está analisando seu currículo tem mais outras centenas pra analisar, então esse resumo é de extrema importância para você conseguir, de certa forma, conquistar a atenção do seu leitor. Você pode descrever brevemente suas habilidades, conhecimento técnico, experiencia profissional ou o domínio de outro idioma.

            Lembrando que seja sempre um breve resumo, os outros detalhes podem ser listados no corpo do seu currículo, pois o objetivo desse resumo não é descrever tudo, mas sim as suas habilidades que  você acha que serão determinantes na sua escolha.

 

2 - Seja Objetivo:

            Sei que já mencionei brevemente sobre a objetividade do seu currículo, porém vou ressaltar por conta de sua importância. Como havia dito, o profissional que está analisando o seu currículo tem vários outros a analisar e o seu não pode ser tão extenso nem tão curto, sempre mantenha o foco das informações e coloque o que realmente é necessário.

 

3 - Destaque suas certificações e experiências profissionais:

            Detalhar o ano e qual curso que você já fez, é muito importante, e é realmente o requisito mínimo para desenvolver seu currículo. Seja sua certificação de faculdade ou não, é importante ter o período e qual curso você fez.

            Caso não tenha nenhuma certificação, que é extremamente normal, você pode destacar sua experiência profissional ou a participação em algum projeto externo, lembrando sempre de detalhar em que área você atuou e qual período de atuação.

 

4 - Cuidado na linguagem:

            Tenha cuidado de como você elabora seu currículo, pois tenha a noção de que a pessoa que irá analisá-lo pode não ter o conhecimento técnico da linguagem que você está usando. Muitas vezes são gestores de RH ou Gestores de TI.

            Portanto, falando na nossa língua: “deixe seu currículo bem identado e comentado para que qualquer programador possa entender seu código.”

 

5 - Descreva sua personalidade ou atividades extras:

            Caso você ache que tem condições de colocar essa descrição sem prejudicar o tamanho do seu currículo, seria interessante, pois você pode mostrar como se comporta em um ambiente de trabalho, como se dá diante de um trabalho em equipe, se é  uma pessoa organizada…

            Informações sobre hobbies podem ser interessantes, mas não perca o foco no que é mais importante, suas qualificações e experiência.

 

6 - Seja original:

            Diante de tantos currículos para se analisar, ser original é um passo a mais diante de 60% dos candidatos. Eu poderia disponibilizar um template de currículo para você  e todos que quisessem usar, mas diante de tanto currículo padrão, o seu vai se destacar?

            Dependendo do local o qual você está enviando seu currículo, não existem regras pré-estabelecidas como em artigos científicos em ANBT. Você é livre para usar a criatividade e montar seu próprio layout de currículo, de preferência algo que o faça se destacar diante de tantos outros que usaram um template qualquer encontrado na internet.

 

 

Portfólio

 

       Você já viu um vídeo do YouTube sem antes ler os comentários? Já comprou algum celular sem antes consultar suas especificações? Já contratou o serviço de uma pessoa sem ter a noção de feedback dos clientes desse serviço?

 

       Outro ponto importante em um currículo da área de TI são os portfólios. Ninguém contrata um serviço sem saber a procedência, não é mesmo?! Assim vale para o profissional de TI. Nesse caso é importante incorporar ao seu currículo um link externo ou o acesso de alguma plataforma como github, gitlab, LinkedIn, Pinterest...

 

Falamos muito de criatividade e originalidade, mas agora você vai ver tudo isso na prática! Veja algum exemplos criativos de apresentação de portfólio:

http://www.rleonardi.com/interactive-resume/

https://caferati.me/

http://takorii.com/